All Tweets
Previous:
Next:

3.44 Por que é que a Missa é tão maçadora?

A Eucaristia

A Eucaristia é o mais importante dos sete sacramentos, porque é onde Jesus se oferece como comida e bebida. Desta forma, ele literalmente nos fortalece em nossas vidas e em nossa fé. Jesus está realmente presente na Eucaristia ou na Santa Missa, mas apenas reconhecível para aqueles que querem acreditar nele.

É por isso que a Eucaristia é chamada de "mistério da fé" (I Tm 3,9)I Tm 3,9: Que guardem o mistério da fé numa consciência pura.. Embora você possa não entender tudo, quando você sabe que está se encontrando com Jesus na Eucaristia de uma maneira muito concreta, como a Missa poderia ser entediante se você participar conscientemente? O #TwGOD app pode ajudar você a acompanhar os textos da missa em vários idiomas.

> Leia mais no livro

Na Missa, Jesus vem muito perto de ti. Pode a Missa ser maçadora se tu estiveres a participar de todo o coração?

A Sabedoria da Igreja

O que é a Eucaristia?

É o próprio sacrifício do Corpo e do Sangue do Senhor Jesus, que ele instituiu para perpetuar o sacrifício da cruz no decorrer dos séculos até ao seu regresso, confiando assim à sua Igreja o memorial da sua Morte e Ressurreição. É o sinal da unidade, o vínculo da caridade, o banquete pascal, em que se recebe Cristo, a alma se enche de graça e nos é dado o penhor da vida eterna. [CCIC 271]

De que forma Cristo instituiu a Eucaristia?

Eu recebi do Senhor o que também vos transmiti: o Senhor Jesus, na noite em que ia ser entregue, tomou o pão e, deu graças, partiu-o e disse: "isto é o Meu corpo, entregue por vós. Fazei isto em memória de Mim!" Do mesmo modo, no fim da ceia, tomou o cálice e disse: "Este cálice é a nova aliança no Meu sangue. Todas as vezes que o beberdes, fazei-o em memória de Mim!” (1 Cor 11,23–25).

Esta antiquíssima narrativa sobre os acontecimentos na sala da Última Ceia é do apóstolo São Paulo, que nem foi testemunha ocular, mas registou o que a jovem comunidade dos cristãos guardou como mistério sagrado e celebrava liturgicamente. [Youcat 210]

Qual o lugar da Eucaristia no desígnio da salvação?

Na Antiga Aliança, a Eucaristia é pré anunciada sobretudo na ceia pascal anual, celebrada cada ano pelos judeus com os pães ázimos, para recordar a imprevista e libertadora partida do Egito. Jesus anuncia-a no seu ensino e institui-a, celebrando com os seus Apóstolos a última Ceia, durante um banquete pascal. A Igreja, fiel ao mandamento do Senhor: “Fazei isto em memória de mim” (1 Cor 11, 24), sempre celebrou a Eucaristia, sobretudo ao Domingo, dia da ressurreição de Jesus. [CCIC 276]

Quem é o ministro da celebração da Eucaristia?

É o sacerdote (Bispo ou presbítero), validamente ordenado, que age na Pessoa de Cristo Cabeça e em nome da Igreja. [CCIC 278]

Quais os elementos essenciais e necessários para realizar a Eucaristia?

São o pão de trigo e o vinho da videira. [CCIC 279]

Que significa transubstanciação?

Transubstanciação significa a conversão de toda a substância do pão na substância do Corpo de Cristo e de toda a substância do vinho na substância do seu Sangue. Esta conversão realiza-se na oração eucarística mediante a eficácia da palavra de Cristo e a ação do Espírito Santo. Todavia as características sensíveis do pão e do vinho, isto é, as “espécies eucarísticas”, permanecem inalteradas. [CCIC 283]

Quão importante é a Eucaristia para a Igreja?

A celebração da Eucaristia é o cerne da comunhão cristã. Nela a Igreja torna-se Igreja.

Somos Igreja não porque pagamos o culto ou a côngrua, porque nos damos bem ou porque nos deparamos casualmente numa comunidade, mas porque na Eucaristia recebemos o corpo de Cristo e somos transformados sempre de novo no corpo de Cristo. [Youcat 211]

Que elementos pertencem necessariamente à Santa Missa?

Cada Santa Missa desenvolve-se em duas partes principais: a celebração da Palavra e a celebração eucarística em sentido estrito.

Na celebração da Palavra, escutamos as leituras do Antigo e do Novo Testamento, incluindo o Evangelho; além disso, há lugar para o anúncio e a oração universal de intercessão. Na parte que vem a seguir, apresentam-se o Pão e o Vinho, que são consagrados e oferecidos aos crentes em comunhão. [Youcat 213]

Com que frequência deve um cristão católico participar na celebração eucarística?

O compromisso de um cristão católico é ir à Santa Missa todos os domingos e festas de guarda. Quem realmente procura a amizade com Jesus aceita, sempre que pode, o convite pessoal de Jesus para a Ceia.

Na verdade, "obrigação de ir à Missa" é para um cristão autêntico expressão tão inadequada como "obrigação de dar um beijo" para quem está realmente apaixonado. Ninguém consegue ter uma relação viva com Cristo se não vai onde Ele espera por nós. Portanto, desde muito cedo a celebração da Missa é para os cristãos, o “coração do domingo” e o encontro mais importante da semana. [Youcat 219]

Isto é o que dizem os Padres da Igreja

Quando você vê o Senhor sacrificado e colocado sobre o altar, e o sacerdote em pé e orando sobre a vítima [Jesus], e todos os adoradores... você pode então pensar que você ainda está entre os homens e em pé sobre a terra? [São João Crisóstomo, Sobre o sacerdócio, Livro 3, Cap. 4 (MG 48, 642)]