All Tweets
Previous:
Next:
tenhemelopneming van Christus

3.34 Quando celebramos a Ascensão e o Pentecostes?

Grandes festas da Igreja

Depois de sua ressurreição no domingo de Páscoa, Jesus apareceu aos seus discípulos durante um período de quarenta dias. Ele falou a eles sobre Deus e o futuro que ele havia preparado para o povo: o Reino de Deus (Atos 1,3)Atos 1,3: E a eles se manifestou vivo depois de sua Paixão, com muitas provas, aparecendo-lhes durante quarenta dias e falando das coisas do Reino de Deus.. Quarenta dias depois do domingo de Páscoa, comemoramos a ascensão de Jesus ao céu, ou “Ascensão”.

Seus discípulos passaram os dias após a ascensão em oração (Atos 1,14)Atos 1,14: Todos eles perseveravam unanimemente na oração, juntamente com as mulheres, entre elas Maria, mãe de Jesus, e os irmãos dele.. Assim como nós, eles estavam ansiosos para a chegada do Ajudador ou Consolador, o Espírito Santo que Jesus prometeu (Jo 17,7Jo 17,7: Agora eles reconheceram que todas as coisas que me deste procedem de ti., Atos 1,9-11Atos 1,9-11: Dizendo isso, elevou-se da (terra) à vista deles e uma nuvem o ocultou aos seus olhos.Enquanto o acompanhavam com seus olhares, vendo-o afastar-se para o céu, eis que lhes apareceram dois homens vestidos de branco, que lhes disseram: “Homens da Galileia, por que ficais aí a olhar para o céu? Esse Jesus que acaba de vos ser arrebatado para o céu voltará do mesmo modo que o vistes subir para o céu”.). O Pentecostes é o quinquagésimo dia depois da Páscoa. Este é o dia em que celebramos a entrada do Espírito Santo na vida dos cristãos. Os apóstolos estavam tão cheios do Espírito Santo que se sentiram compelidos a anunciar o Evangelho de Jesus.

> Leia mais no livro

Jesus subiu ao céu 40 dias depois da Páscoa; 9 dias mais tarde os Apóstolos receberam o Espírito Santo no Pentecostes.

A Sabedoria da Igreja

O que significa dizer que Jesus subiu ao céu?

Com Jesus, um de nós chegou a Deus e lá permanece para sempre. No seu Filho, Deus está humanamente próximo de nós. Quanto ao mais, Jesus disse no Evangelho segundo São João: "E quando eu for levado da terra, atrairei todos a Mim” (Jo 12,32).

No Novo Testamento, a ascensão de Cristo ao Céu marca o fim de uma especial proximidade do Ressuscitado com os Seus discípulos, que durou quarenta dias. Ao cabo deste tempo, Cristo entra, com todo o Seu humano ser, na glória de Deus. A Sagrada Escritura exprime-o com as metáforas da "nuvem" e do "céu". "O ser humano", diz o Papa Bento XVI, "encontra lugar em Deus." Jesus Cristo está agora com o Pai, de quem um dia virá "para julgar os vivos e os mortos". A ascensão de Jesus ao Céu significa que Ele não está mais visível na Terra, embora esteja presente e disponível. [Youcat 109]

O que aconteceu no dia de Pentecostes?

Cinquenta dias após a ressurreição, o Senhor enviou do céu o Espírito Santo sobre os seus discípulos. Começou, então, o tempo da Igreja.

No dia de Pentecostes, o Espírito Santo fez, de medrosos Apóstolos, corajosos testemunhas de Cristo. Num curtíssimo espaço de tempo fizeram-se batizar milhares de pessoas. Era o nascimento da Igreja! O milagre pentecostal das línguas revela que  a Igreja, desde o princípio, está aberta a todos, é "universal" (palavra latina que traduz o termo "católico", de origem grega) e, por conseguinte, missionária. Ela dirige-se a todas as pessoas, supera fronteiras étnicas e linguísticas, e pode ser entendida por todos. Até hoje, o Espírito Santo tem sido o "elixir vital" da Igreja.[Youcat 118]

Isto é o que dizem os Papas

”Assim como o Pai Me enviou, também Eu vos envio a vós (...) Recebei o Espírito Santo” (Jo 20, 21.22): diz-nos Jesus. A efusão do Espírito, que tivera lugar na tarde da Ressurreição, repete-se no dia de Pentecostes, corroborada por sinais visíveis extraordinários… como um vento que se abate impetuoso sobre a casa e irrompe na mente e no coração dos Apóstolos. Como resultado, recebem uma força tal que os impele a anunciar, nas diferentes línguas, o evento da Ressurreição de Cristo. [Papa Francisco, Homilia de Pentecostes, 24 Maio 2015]